A PREPARAÇÃO DO ALTAR PARA A MISSA





1. Tipos de altar: O altar, no qual se celebrará o sacrossanto Sacrifício da Missa, deve ser todo de pedra, devidamente consagrado; ou ao menos deve ter uma mesa de pedra, ou uma pedra sagrada, também devidamente consagrada, que seja tão ampla que possa caber a hóstia e a maior parte do cálice; ou também, por Indulto Apostólico, um antimensium devidamente bento.


2. Toalhas: O altar deve ser coberto com três toalhas, devidamente abençoadas, das quais uma deve ser tão longa que chegue até o solo pelos lados.


3. Guarnições: Sobre o altar se põe a Cruz grande o suficiente com o Crucificado, e os castiçais requeridos conforme a qualidade da Missa, com as velas acesas de um e outro lado. Ponham-se, além do mais, as assim chamadas sacras, mas somente durante a celebração da Missa; e ao lado da Epístola, uma almofada ou estante para colocar o Missal.


4. Credência: Ao lado da Epístola, sobre uma mesa preparada para isto, se colocam as galhetas e o manustérgio, a sineta e a patena para a Comunhão dos fiéis.

5. Sobre o altar não se ponha absolutamente nada que não pertença ao Sacrifício da Missa ou ao adorno do mesmo altar.

6. Conserve-se, onde existe, o costume de acender uma vela junto ao altar, durante o tempo da Consagração até a Comunhão.[1]


 

[1] RM nn. 525-530.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo